Paulista A2: No Z2, goleiro da Portuguesa dispara: 'Precisamos de vergonha na cara'

Dida disse que atletas não têm do que reclamar do extra-campo e lamenta chances perdidas diante do São Bernardo

Publicado em .

Dida disse que atletas não têm do que reclamar do extra-campo e lamenta chances perdidas diante do São Bernardo

São Paulo, SP, 13 (AFI) - Com a derrota por 2 a 0 diante do São Bernardo na última quarta-feira (12), a Portuguesa entrou na zona de rebaixamento da Série A2 do Campeonato Paulista. Com apenas quatro pontos em seis rodadas e na 15ª colocação, o goleiro Dida falou do bom ambiente fora dos gramados e pediu ‘vergonha na cara’ para que a equipe saia do jejum de cinco jogos sem triunfar.

“Não é problema extra-campo. Precisamos ter a consciência e falar que está tudo certo. Fizemos uma preparação que não faltou nada. O salário está em dia, ofereceram uma premiação boa. Não temos do que reclamar. Não estamos fazendo os gols. Tomamos alguns gols bobos e não convertemos nossas chances. Isso faz falta. Não tem nada perdido. O time precisa ter consciência que bateu o limite já e trabalhar mais ainda. Vamos pegar o líder dentro de casa e a postura precisa ser diferente. Precisamos criar vergonha na cara e conseguir o resultado dentro campo. Fora está tudo certo”, afirmou na saída do gramado.

Dida disse que atletas não têm do que reclamar do extra-campo e lamenta chances perdidas diante do São Bernardo (Foto: Ronaldo Barreto/NETLUSA)
Dida disse que atletas não têm do que reclamar do extra-campo e lamenta chances perdidas diante do São Bernardo (Foto: Ronaldo Barreto/NETLUSA)

FOCO NAS FINALIZAÇÕES
Já o lateral esquerdo Cesinha apontou que a Portuguesa fez um bom jogo, mas pecou nas finalizações.

“A gente está tentando, lutando, buscando, como vocês viram. Mas o gol não está saindo, infelizmente. Estamos chegando, mas sem fazer. Precisamos melhorar o aspecto ofensivo para ganhar os jogos”, destacou.

A Rubro-Verde volta a campo neste domingo (16), às 16h. A equipe terá pela frente o Monte Azul, atual líder da Série A2 com 14 pontos (três a mais que o vice-líder São Bernardo). O jogo será no Canindé e válido pela sétima rodada da competição.