Técnico brasileiro fica a um jogo de recorde de invencibilidade na Coreia do Sul

André Gaspar não perde há nove partidas no comando do Daegu, com quatro vitória e cinco empates

Publicado em .

André Gaspar não perde há nove partidas no comando do Daegu, com quatro vitória e cinco empates

Campinas, SP, 07 (AFI) - O Daegu venceu mais uma na Liga da Coreia de Futebol e se mantém na quarta posição, vivo na luta por vaga na Liga dos Campeões da Ásia. Desta vez, a vítima foi o Seongnam, por 2 a 1, fora de casa.

Com o triunfo, o time dirigido por André Gaspar garantiu direito de disputar o hexagonal em busca da classificação, mantendo-se em quarto lugar.

O JOGO

O treinador, ciente da pressão do adversário até por atuar como mandante, soube montar boa estratégia para conduzir o jogo. Logo de cara, entretanto, levou gol de pênalti aos cinco minutos.

Aos poucos, o Daegu controlou as ações da partida, mas desceu para o vestiário em desvantagem no placar.

Na etapa final, Edgar, de cabeça, empatou aos oito, após jogada de Cesinha. Aos 39, Sin Chang, acionado por Gaspar, fez o gol da vitória nos acréscimos, depois de longa pressão e com direito a bola na trave.

André Gaspar fica a um jogo de invencibilidade na Coreia do Sul
André Gaspar fica a um jogo de invencibilidade na Coreia do Sul

ESTRELA

Nos três últimos jogos, o Daegu buscou resultado graças às substituições do treinador. Diante do líder Jeonbuk Hyundai, o brasileiro colocou Cesinha e Edgar em ação no segundo tempo e foi coroado com dois gols da dupla, em triunfo por 3 a 0, quebrando invencibilidade de 19 rodadas do oponente.

Frente o Jeju United, em revés como mandante, deu oportunidade para Park Gi-Dong, que contribuiu com gol de empate em 2 a 2.

CENÁRIO

O resultado positivo em cima do Seongnam faz André Gaspar alcançar marca de nove jogos de invencibilidade, com cinco empates e quatro vitórias - falta, aliás, um jogo de bater recorde pessoal.

Apesar do viés de alta, o treinador não se empolga em demolir recordes e quer o Daegu sempre em busca dos três pontos.

"É claro que fico feliz em quebrar marcas e fazer história no clube. Porém, o objetivo é ser campeão. Mesmo com a boa fase, o elenco tem de manter os pés no chão, sem euforia e focar na classificação à Liga dos Campeões", comentou.

E AGORA?

Após o término de 33ª rodada da Liga da Coreia, o Daegu dá sequência à rotina de treinamentos, à espera do sorteio do hexagonal, o qual ocorre na próxima quinta-feira, 10, para definir os cinco próximos compromissos no torneio nacional.