Catarinense: Técnico cobra elenco: "A Chapecoense tem que se assumir como grande"

Claudinei Oliveira disse que o time precisa colocar a bola no chão e não abusar dos chutões

Publicado em .

Claudinei Oliveira disse que o time precisa colocar a bola no chão e não abusar dos chutões

Chapecó, SC, 31 (AFI) - A Chapecoense escapou de ser surpreendida pelo lanterna Tubarão na última quarta-feira ao empatar em 3 a 3, no Estádio Domingos Silveira Gonzales, pela quinta rodada do Campeonato Catarinense. O técnico Claudinei Oliveira enalteceu o poder de reação, mas também cobrou uma melhor postura do elenco.

"A Chapecoense tem que se assumir como uma grande equipe da competição, tem que colocar a bola no chão e jogar, não só rifar. Temos que rodar a bola. Não é grande só na camisa, temos que nos mostrar grandes em todos os momentos", afirmou Claudinei Oliveira.

O técnico Claudinei Oliveira cobrou uma mudança de postura do elenco da Chapecoense
O técnico Claudinei Oliveira cobrou uma mudança de postura do elenco da Chapecoense
O primeiro tempo da Chapecoense foi desastroso, tanto que foi para o intervalo perdendo por 2 a 0. No início do segundo tempo, Rafael Pereira diminuiu, mas o Tubarão ampliou na sequência. Depois disso, o time alviverde tomou conta do jogo e foi buscar o empate com Wellington Paulista e Rafael Pereira, novamente.

Ainda invicta no Catarinense, a Chapecoense tem 11 pontos e está na vice-liderança, atrás apenas do Figueirense, com 13. No sábado, o adversário será o Hercílio Luz, na Arena Condá, pela sexta rodada.