Palmeiras vira no final sobre o Santos e leva o clássico da Vila Belmiro

Foi o clássico dos goleiros. Fernando Prass e Vladimir fizeram defesas fantásticas e deram brilho ao espetáculo

por SÉRGIO CARVALHO - Campinas

Foi o clássico dos goleiros. Fernando Prass e Vladimir fizeram defesas fantásticas e deram brilho ao jogo disputado domingo à noite, em Vila Belmiro. Placar final, Santos 1 x Palmeiras 2. Como os dois times jogaram bem (foi um grande clássico), talvez o melhor resultado fosse um empate.

Mas em futebol não tem essa de injustiça. O Santos jogou bem, teve muitas oportunidades mas só marcou um gol. O Palmeiras não desistiu nunca, também criou muitas chances e aproveitou duas após os quarenta minutos do segundo tempo.

Foi um delírio de jogadores e comissão técnica do Verdão, mesmo porque, como ocorre nos clássicos paulistas, o jogo foi de uma torcida só (no caso, do Peixe). A partida entre esses dois gigantes do futebol brasileiro foi emocionante.

Ambos jogaram em função do gol.

Por isso, os dois goleiros foram muito acionados e se transformaram nos grandes destaques do jogo. Com a vitória o Palmeiras chegou aos 21 pontos ganhos e superou o Corinthians no campeonato (Timão, derrotado pela Ferroviária, tem 19).

Se mantiver essa posição o time de Eduardo Baptista terá algumas vantagens na fase decisiva do campeonato. Como curiosidade lembramos que na rodada encerrada neste domingo, só o Palmeiras venceu.

O Santos perdeu o clássico, o São Paulo empatou em casa com o limitado Ituano e o Corinthians perdeu para a Ferroviária, em Araraquara. Com a derrota, o Santos continua em terceiro lugar no seu grupo e pode até não se classificar para a fase decisiva do campeonato.

C * U * R * T * A * S

* PENA que o clássico de domingo à noite foi disputado em Vila Belmiro. O número de torcedores presentes foi incompatível com a qualidade do jogo e o Santos perdeu dinheiro, porque, sendo mandante, se jogasse no Pacaembu, por exemplo, teria recebido muito mais dinheiro do que recebeu neste domingo. Peixão teve prejuízo.

* DEFESA do Palmeiras é a melhor do campeonato e provou isso. Mesmo enfrentando um ataque forte como o do Santos, segurou bem a barra e só levou um gol. Lógico que o veterano Prass colaborou muito para o Santos só marcar um gol, mas também os zagueiros do Palmeiras colaboraram para não deixar o adversário marcar.

* MELHORES em campo pelo Palmeiras foram, Prass, Mina, Edu Dracena, Zé Roberto, Dudu e Felipe Melo (cujo maior problema foi exagerar nas faltas). Já no time do Santos os destaques ficaram para o goleiro Vladimir, os meio campistas Renato e Lucas Lima e o atacante Ricardo de Oliveira. Os demais jogaram um pouco menos.

Corinthians não balançou as redes na Arena da Fonte Luminosa
Corinthians não balançou as redes na Arena da Fonte Luminosa
* CORINTHIANS perdeu sua segunda partida no Campeonato Paulista, domingo à tarde, em Araraquara, diante da Ferroviária. Placar final Ferro 1 x Corinthians 0. Poderíamos dizer que foi um resultado injusto para o time de Cássio, que criou muito mais chances de gols do que o adversário, mas no final, deu Ferroviária.

* A PROVA de que o Corinthians até atacou bastante foi o goleiro Tadeu, da Ferroviária, ser considerado o melhor em campo ao final do jogo. Ele que era o terceiro goleiro do time de Araraquara, teve sua chance de ouro diante do Corinthians, e soube como aproveitá-la. Fez no mínimo cinco grandes defesas. Deixou o gramado aplaudido.

* PABLO foi o grande jogador da defesa corintiana. Jogou demais. Em compensação, Moisés, lateral esquerdo, foi um desastre completo. O pior jogador em campo. No meio campo Jadson teve bons momentos. Já Guilherme, que teve mais uma chance, decepcionou. Na frente, só Jô trabalhou bem. Os demais decepcionaram.

* A VERDADE é que o atual time do Corinthians vive mesmo de seu bom sistema defensivo. O ataque é fraco e precisa de reforços. Dizem que a diretoria pode trazer Diego Tardelli. Seria um bom negócio. Mas enquanto isso não é decidido, os atacantes do elenco precisam reagir. Nenhum deles tem produzido o necessário para ser titular.

* O SÃO PAULO de Rogério Ceni regrediu. O empate contra o Ituano em pleno Morumbi provou isso. O ataque que fazia incrível média de quase três gols por jogo, só marcou um diante do time interiorano e a defesa que é a pior do campeonato, sofreu mais um. Foi o terceiro resultado negativo do Tricolor nos últimos três jogos.

* O EMPATE foi mais do que justo. Para dizer a verdade, o Ituano jogou mais do que o São Paulo nos dois tempos do jogo. Foi mais objetivo. Envolveu muitas vezes a defesa sãopaulina e só não marcou mais porque seus atacantes erraram o alvo ou o goleiro Renan Ribeiro fez algumas defesas incríveis. Faltou tudo ao São Paulo.

Rogério Ceni e o goleiro Renan
Rogério Ceni e o goleiro Renan
* FALEI em Renan Ribeiro. Ele foi muito bem no teste que fez diante do Ituano. Mostrou muita competência e não teve nenhuma culpa no gol do Ituano. Acho que ele pode ser a melhor opção de Rogério Ceni para defender o gol tricolor. Denis e Sidão me parecem inferior a ele. Depende agora do treinador definir quem é o dono da camisa 1.

* ENTRE os jogadores que defenderam o São Paulo neste jogo, poucos brilharam. Talvez Cuevas, que mesmo não jogando tudo o que sabe, correu muito e fez o gol do São Paulo. O centro avante Pratto também deu sua colaboração e Thiago Mendes manteve o ritmo. Os demais não merecem boa nota. Estiveram abaixo do que podem jogar.

* OS OUTROS resultados da nona rodada da primeira fase do Paulistão. Red Bull 2 x São Bernardo 1. Linense 0 x Botafogo 0. Mirassol 2 x Santo André 3. Ponte Preta 1 x Novorizontino 2. Audax 0 x São Bento 1. No Grupo A o Corinthians é líder com 19 pontos ganhos. O Botafogo é vice com 12. No grupo B o São Paulo lidera com 14.

* O LINENSE está em segundo lugar no grupo do Tricolor paulista com 14 pontos. No grupo C o líder é o Palmeiras com 21 e o vice é o Novorizontino com 13. No grupo D a Ponte Preta tem 15 e o Mirassol está com 14. Melhor ataque é o do São Paulo com 22 gols. Pior é o do Ituano com 5. Melhor defesa é a do Palmeiras com 6 gols contra.

* PIOR defesa do campeonato é a do São Paulo que já sofreu 18 gols em nove jogos. Ou seja, dois gols por partida. Um absurdo. Pior time do campeonato é o Audax, de Osasco que até agora somou apenas 7 pontos no seu ativo. A Ferroviária que ganhou do Corinthians chegou a 8. No momento, ambos seriam os times rebaixados.

Ponte Preta, de azul, perdeu para Novorizontino e vai buscar a reabilitação em Santo André
Ponte Preta, de azul, perdeu para Novorizontino e vai buscar a reabilitação em Santo André
* O PAULISTÃO continua neste meio de semana. Nesta terça feira jogam Santo André x Ponte Preta, Ituano x Linense e Novorizontino x Audax. Na quarta feira o São Bernardo encara a Ferroviária, o São Bento recebe o Santos, o Palmeiras joga contra o Mirassol e o Botafogo encara o São Paulo. Quinta, Corinthians x Red Bull.

* ESTA já será a décima rodada da primeira fase do campeonato. Assim que ela terminar vão faltar apenas duas rodadas com seis pontos em jogo. É a hora de decisão para saber quem se classifica para a fase mais importante do torneio e que vai cair para a série B do Paulistão. Cada ponto vai valer muito para cada participante.

* COPA DO Brasil já teve definidos os adversários da quarta fase da competição. O Corinthians fará dois jogos contra o Internacional. O Cruzeiro pega o São Paulo. O Sport encara o Joinville. O Vitória enfrenta Asa ou Paraná (eles ainda vão jogar) e o Fluminense vai enfrentar o Goiás. Datas para esses jogos: 12, 19 e 26 de abril.

* A SELEÇÃO Brasileira terá dois jogos nos próximos dez dias. No dia 23, quinta feira próxima, o time dirigido por Tite vai enfrentar o Uruguai, em Montevideu. Jogo clássico, muito difícil. Mas ainda aposto na seleção do Brasil que está em excelente fase. No dia 28 o time brasileiro recebe o Paraguai no Itaquerão, em SP.

* OUTROS jogos das Eliminatórias no dia 23. Colômbia x Bolívia, Paraguai x Equador. Argentina x Chile e Venezuela x Peru. O Brasil é o atual líder do torneio com 27 pontos ganhos. O Uruguai vem em segundo com 23. O Equador tem 20 mesmo número de pontos do Chile e a Argentina tem 19 pontos ganhos até agora.

* SEMPRE disse aqui que considero Cristovão um treinador bem limitado. Eu se fosse dirigente de um grande clube jamais o contraria. O tempo passa, vários clubes o contratam e três meses depois o mandam embora. Mais recentemente, foi assim no Corinthians e agora no Vasco da Gama. Será que os dirigentes não aprendem?

* LEILA Pereira, diretora da Crefisa, financeira que patrocina o Palmeiras, disse que sua empresa vai investir 150 milhões de reais no clube. E garante, que se precisar mais, a Crefisa está pronta a liberar. Essa afirmativa coloca o Verdão num patamar muito especial no futebol brasileiro. Com dinheiro facil é tranquilo administrar futebol.

* O SÃO PAULO trabalha para renovar o contrato do goleiro Lucas Perri, que é da equipe de juniores do clube. Há quem aposte no futuro desse garoto que começou a jogar na Ponte Preta e acabou se transferindo para o São Paulo. Não demora e Rogério Ceni pode lhe dar uma oportunidade no time principal. Detalhe: ele também cobra faltas.

* PROCURADOR Rodrigo Janot mandou listão de nomes para o STF de políticos que receberam dinheiro de forma irregular e devem ser duramente punidos por isso. Entre os citados está o nome de Andres Sanchez, ex presidente do Corinthians e deputado federal por São Paulo. Sanchez está preocupado. Pode ser seu fim como político.

* JÁ DISSE aqui que esse cidadão não é "flor que se cheire". É perigoso, carreirista e fanfarrão. Agora é a Procuradoria Geral do Brasil quem relaciona seu nome como um dos implicados na lavagem de dinheiro nas últimas eleições. Prova de que eu tinha razão quando dizia que Sanchez jamais deveria ocupar a presidência do Corinthians.

* PAULO Nobre, ex presidente do Palmeiras, desapareceu. Ele não participa de mais nada na política do clube. Justamente ele que lançou o nome do atual presidente do Palmeiras para concorrer a esse cargo nas últimas eleições. Problema de Nobre é ser inimigo mortal de Leila Pereira, dona da Crefisa e patrocinadora do clube.

SÉRGIO CARVALHO
Sérgio Carvalho é um dos ícones do jornalismo esportivo brasileiro. Sua coluna ganhou mais de cincoenta prêmios durante o período em que foi publicada pelo Diário de São Paulo (antigo Diário Popular) durante mais de vinte anos. Hoje é um dos pontos de referência entre os colunistas do Futebol Interi
Veja perfil completo
Veja todos