'Meu time vai correr muito', afirma novo técnico do lanterna do Paulista A2

Votuporanguense aparece na 16.ª e última colocação, com nove pontos, o mesmo do Penapolense, outro integrante da zona de rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Votuporanga, SP, 20 (AFI) - Lutando contra o rebaixamento no Campeonato Paulista da Série A2, o Votuporanguense anunciou Júlio Sérgio, ex-goleiro de Santos e Roma, entre outros, como novo treinador. O técnico alvinegro projetou como será o cenário após longa paralisação por conta da pandemia de covid-19.

“É um outro campeonato, é um tempo muito longo de inatividade. Vamos ter que se preparar bem para começar um campeonato novo, só que vamos trazer um problema do campeonato antigo, principalmente a parte psicológica, quesito que vamos trabalhar muito. A gente ganha jogando futebol. Não tem muita conversa. Temos que ter a bola, criar oportunidades e ser mais organizados”, afirmou.

 Júlio Sérgio
Júlio Sérgio
MOMENTO
A Pantera Alvinegra, após 12 das 15 rodadas da primeira fase, aparece na lanterna do Paulista A2, com nove pontos, o mesmo do outro integrante da zona de rebaixamento, o Penapolense. Red Bull Brasil, com dez, é o primeiro fora da zona de rebaixamento.

Lá na alto, a liderança pertence ao São Bernardo FC, com 22 pontos, um à frente do Taubaté. Por outro lado, o grupo de classificação às quartas de final é completado por São Caetano, Juventus e Portuguesa, ambos com 18, o mesmo do São Bento, nono colocado.

“Se fosse para vir aqui e colocar cinco caras defendendo e cinco atacando, não seria eu o treinador do Votuporanguense. Eu quero um time organizado e que tenha condições de controlar o jogo. A responsabilidade é de todo mundo. Se perder, não sou eu que vou perder. E se ganhar, não sou eu que vou ganhar. É um jogo de equipe, de estratégia. Isso tem que ficar claro. Eles (jogadores) que decidem”, prosseguiu.

“A única promessa que eu posso fazer é que meu time vai correr muito, será organizado e vai ser um time que procura jogar futebol com a bola no chão. Agora, o futebol é o único esporte coletivo que a gente não pode falar quem vai ganhar. Então, organização, vontade e o máximo de esforço para mantermos a Votuporanguense na A2... isso posso prometer. Qualquer outra coisa é loteria no sentido de promessa”, completou ao jornal A Cidade de Votuporanga.