Baiano: Kieza diz "não" ao Botafogo e fica no Vitória

O técnico Vágner Mancini revelou que o atacante quer apagar a má impressão deixada na temporada passada

por Agência Futebol Interior

Salvador, BA, 11 (AFI) - O torcedor do Vitória pode respirar aliviado. Mesmo com uma proposta do Botafogo em mãos, o artilheiro Kieza preferiu permanecer no Leão. A revelação foi feita pelo técnico Vágner Mancini em entrevista coletiva concedida nesta quinta-feira.

Kieza, de 31 anos, tem contrato com o Vitória e seu salário é de R$ 240 mil. De acordo com Vágner Mancini, o atacante decidiu seguir no clube mesmo tendo proposta do Botafogo para apagar a má impressão deixada em 2017, quando não fez uma boa temporada - 12 gols em 31 jogos.

Vágner Mancini revelou que Kieza quis permanecer no Vitória mesmo tendo proposta do Botafogo - Maurícia da Matta/EC Vitória
Vágner Mancini revelou que Kieza quis permanecer no Vitória mesmo tendo proposta do Botafogo
"O atleta manifestou interesse em continuar em Salvador, em jogar no Vitória e apagar o ano de 2017. Ele mesmo disse isso para mim: "Quero ficar e poder apagar o ano de 2017, que não foi bom para mim. Quero mostrar para o torcedor do Vitória que o meu desejo foi permanecer e quero ter um ano com muitos gols". A gente entendeuu que não teríamos a oportunidade de buscar um jogador à altura de Kieza", disse o treinador.

O primeiro clube a demonstrar interesse em Kieza foi o Vasco da Gama e depois surgiu o Botafogo, justamente quando o diretor de futebol Anderson Barros trocou a Colina por General Severiano.

O dirigente, inclusive, foi o responsável pela contratação de Kieza junto ao São Paulo em março de 2016. Na época, Anderson Barros era o diretor de futebol do Vitória.

 
 
" />