Sergipano: Invicto há seis jogos, Foiani quer manter boa sequência no Sergipe

Gipão abre participação no quadrangular final nesta quarta-feira, diante do Freipaulistano, às 20h15

por Agência Futebol Interior

Sergipe, SE, 10 (AFI) - O quadrangular final do Campeonato Sergipano têm início nesta quarta-feira, 11 de março, com dois jogos no mesmo horário, a partir das 20h15.

Itabaiana, Confiança, Sergipe e Freipaulistano se enfrentam em dois turnos, e o primeiro colocado fica com o título regional.

De olho na etapa decisiva, o Sergipe teve dez dias para trabalhar de olho no Freipaulistano e, para não perder ritmo, realizou jogo-treino diante da Seleção Amadora de Maruim, na última sexta-feira, e goleou por 5 a 1.

"Fiquei satisfeito com o desempenho, tanto no primeiro como no segundo tempo. Foi muito proveitoso. Pudemos observar também alguns atletas com pouca minutagem", declarou o técnico Paulo Foiani.

Paulo Foiani vive boa fase no comando do Sergipe
Paulo Foiani vive boa fase no comando do Sergipe

"Ficar dez dias sem jogo é complicado para quem vem numa crescente na competição e com resultados positivos. O amistoso serviu também para dar ritmo de jogo a todos do elenco", emendou.

DIVIDIDOS

Das quatro equipes no quadrangular do Sergipe, duas disputam a Copa do Nordeste: o Confiança, líder do Grupo B com 13 pontos, e Frei Paulistano adversário do Sergipe, penúltimo colocado do Grupo B com cinco pontos.

"Vamos jogar em casa diante de nosso torcedor e contra uma equipe que enfrentamos recentemente na primeira fase. Isso não significa que vai ter jogo fácil. Pelo contrário!", alertou.

"Adversário conquistou uma vitória na Copa do Nordeste em cima do América de Natal. Nós temos de impor o jogo em busca de uma vitória", continuou.

EM ALTA

Foiani vive ótimo momento no Sergipe, pelo qual foi vice-campeão do primeiro turno, e já acumula seis partidas de invencibilidade, com cinco vitórias e um empate.

O último resultado positivo foi em cima do Freipaulistano, curiosamente seu primeiro adversário no quadrangular final, quando fez 2 a 1, fora de casa - time da capital é dono do segundo melhor ataque (12 gols) e a segunda melhor defesa (05)

Entre os três adversários da etapa final, Sergipe só não foi derrotado pelo Confiança, campeão do primeiro turno.