Seleção FI da Série A2 'copia' time olímpico e joga de maneira ofensiva

Fernando Marchiori será o responsável por comandar a equipe desta oitava rodada

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 24 (AFI) - A oitava rodada do Campeonato Paulista da Série A2 terminou com Monte Azul e Portuguesa Santista na liderança, com 17 pontos. São Bernardo e XV de Piracicaba, 14, seguem na cola.

Com isso, a seleção FI vem formada com os principais destaques da rodada. Baseado na seleção que conquistou o ouro olímpico, a equipe foi montada no esquema 4-2-3-1, botando muita ofensividade nesta oitava rodada.

Fernando Marchiori iniciou um bom trabalho na Portuguesa
Fernando Marchiori iniciou um bom trabalho na Portuguesa

O técnico escolhido para comandar a equipe foi Fernando Marchiori, que ressuscitou a Portuguesa e a tirou, neste primeiro momento, da luta contra o rebaixamento para sonhar com uma vaga na zona de classificação à próxima fase.

Confira a seleção FI da oitava rodada:

Goleiro: Edson Kolln (Votuporanguense)
O goleiro foi o nome do empate sem gols entre Rio Claro e Votuporanguense, na última sexta-feira. O goleiro fez quatro excelentes defesas, que asseguraram um ponto importante para o clube de Votuporanga longe de seus domínios. Acabou fazendo a diferença.

Lateral-direito: Ferrugem (Monte Azul)
Ferrugem foi um dos destaques da goleada do Monte Azul por 6 a 0 para cima do Atibaia. Bem defensivamente, o lateral também teve boa participação no setor ofensivo. Deu cruzamentos precisos, que ajudaram o Azulão golear o rival na última sexta-feira.

Gilberto Alemão foi o destaque do XV. Foto: Michel Lambstein
Gilberto Alemão foi o destaque do XV. Foto: Michel Lambstein

Zagueiro: Gilberto Alemão (XV de Piracicaba)
Com um homem a menos durante praticamente todo o segundo tempo, o Nhô Quim tomou pressão do Red Bull Brasil, mesmo atuando como mandante. Entretanto, o sistema defensivo alvinegro trabalhou bem. Entre eles, o 'xerifão' Gilberto Alemão. Sua atuação segura ainda foi premiada com o gol da virada, em bela cabeçada.

Zagueiro: Alyson (Rio Claro)
A defesa do Rio Claro teve participação de destaque no empate sem gols diante do Votuporanguense. Alyson fez boa dupla com Guilherme e ganhou todas as disputas com os zagueiros adversários. Facilitou muito a vida de Dheimison.

Lateral-esquerdo: Almir (Monte Azul)
Deitou e rolou pelo lado esquerdo de campo. O setor foi uma arma do Monte Azul em toda partida. O jogador ainda contribuiu na marcação e em lançamentos precisos para dentro da área adversária. Acabou saindo como um dos destaques.

Meia: Thiago Potiguar (Juventus)
O maestro na vitória do Moleque Travesso sobre o Taubaté, por 2 a 0, no Vale do Paraíba. Foram suas as duas assistências para os gols marcados por Léo Castro. Ditou o ritmo do jogo e não é a toa que cansou na segunda metade da etapa final.

Roger Gaúcho brilhou pela Portuguesa
Roger Gaúcho brilhou pela Portuguesa

Meia: Roger Gaúcho (Portuguesa)
Marcou o único gol da Portuguesa na importante vitória por 1 a 0 para cima do Penapoense, fora de casa. O meia correu por dois, ajudou na marcação e ainda foi fundamental ao colocar a bola no fundo das redes, fazendo com que a Lusa respirasse na luta contra o rebaixamento.

Meia-Atacante: Léo Castro (Juventus)
Se Thiago Potiguar foi o maestro, Léo Castro foi o artilheiro. O baixinho soube aproveitar as duas oportunidades que teve e deu a vitória ao Juventus, além de assumir a liderança com sete gols ao lado de Marcos Paulo, do Monte Azul.

Meia-Atacante: Marcos Paulo (Monte Azul)
Comandou o massacre do líder Azulão contra o Atibaia, na goleada por 6 a 0. Deixou sua marca por quatro vezes e chegou aos sete gols na Série A2, dividindo a artilharia com Léo Castro, do Juventus.

Marcos Paulo é o destaque do ataque do Monte Azul, o melhor da competição, com 20 gols marcados. Veja mais aqui !

Meia-Atacante: Galego (Portuguesa Santista)
O atacante marcou duas vezes e foi fundamental na vitória por 2 a 1 contra o São Bernardo, concorrente direto pelas primeiras posições da A2. Com o triunfo, credenciou a Briosa a concorrer ao posto de líder da competição, que pertence ao Monte Azul no momento.

Bruno Moraes foi o cara do São Caetano
Bruno Moraes foi o cara do São Caetano

Atacante: Bruno Moraes (São Caetano)
Estreou com a camisa do São Caetano fazendo logo dois gols na vitória por 3 a 1 para cima do São Bento. O atacante mostrou faro de gol e deixou claro que será importante para o Azulão na briga de retornar à elite do futebol estadual. O camisa 9 pede passagem.

Técnico: Fernando Marchiori (Portuguesa)
Mudou o futuro da Portuguesa, que conquistou a segunda vitória consecutiva no torneio. De um time ameaçado de rebaixamento, a Lusa passou a postulante à classificação nas mãos do treinador. Fez partida segura, fora de casa, contra o Penapolense. E é só o começo do trabalho do comandante.