Paulistão: Em despedida, Marcelo Fernandes elogia base do Santos 'Vale ouro'

Assim como aconteceu contra o Santo André, quando foi ao Canindé, Holan esteve presente na Vila Belmiro

por Agência Estado

Santos, SP, 03 - O empate do Santos por 1 a 1 com a Ferroviária, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, pode ter marcado algumas "despedidas" no Santos. O time, afinal, em seus últimos três compromissos, foi dirigido por Marcelo Fernandes, auxiliar da comissão técnica fixa. E contou praticamente apenas com jovens das divisões de base, pois o principais jogadores do elenco ganharam folga após a classificação à Copa Libertadores.

Nesses compromissos, o Santos perdeu por 2 a 0 para o Bahia em sua despedida no Campeonato Brasileiro e antes havia estreado no Paulista com empate por 2 a 2 contra o Santo André. Mas Marcelo Fernandes exaltou o desempenho da equipe e dos jovens.

FERNANDES ELOGIA MOLECADA DO PEIXE

Espaço incorporado por HTML (embed)

CONTA DO RECADO
"Meninos deram muita conta do recado. Meninos valem ouro, provaram que nossa base é forte. Ariel viu tudo que a molecada está fazendo", disse.

Assim como aconteceu contra o Santo André, quando foi ao Canindé, Holan esteve presente na Vila Belmiro, onde viu o duelo com a Ferroviária. E Marcelo Fernandes explicou ter conversado com o novo treinador do Santos sobre a escalação e a estratégia. Além disso, fez muitos elogios ao argentino.

Marcelo Fernandes faz parte da comissão técnica fixa do clube
Marcelo Fernandes faz parte da comissão técnica fixa do clube

"Ariel é o treinador do Santos. Se preocupou desde o início em fazer o melhor do clube. Chegamos em comum acordo e quer sempre ter nosso feedback.

Ele precisa estar o quanto antes sabedor de todas as qualidades dos jogadores. Conversamos sobre o time, substituições, pede muita coisa a gente.

Ele é qualificado, tem estafe forte e quem ganha com isso é o Santos", disse Marcelo Fernandes. "Ariel nos deixou muito à vontade, agregou, deixou ambiente leve", concluiu.

Com dois pontos somados em dois jogos, o Santos voltará a jogar no sábado, diante do São Paulo, no Morumbi, já com Holan no banco e a maior parte dos titulares dentro de campo.