Santos acerta com concessionária para jogar ao menos 10 vezes no Pacaembu em 2020

No ano passado, o técnico argentino Jorge Sampaoli era antipático à ideia

por Agência Estado

São Paulo, SP, 19 - Depois de anunciar que levou para o Pacaembu o clássico como mandante contra o Palmeiras, no próximo dia 29, pelo Campeonato Paulista, a diretoria do Santos revelou na noite de terça-feira um acordo com a concessionária Allegra Pacaembu para que o clube atue no estádio da cidade de São Paulo em pelo menos 10 partidas na temporada de 2020. O duelo contra o rival alviverde já é o primeiro deles.

Os outros nove jogos ainda não estão definidos. O Santos, levando partidas ao Pacaembu, espera melhorar a sua arrecadação, já que a torcida é grande em São Paulo e região metropolitana. No ano passado, o técnico argentino Jorge Sampaoli era antipático à ideia, tanto que o último jogo foi em 6 de junho, na eliminação da Copa do Brasil para o Atlético-MG.

Santos acerta com concessionária para jogar ao menos 10 vezes no Pacaembu em 2020
Santos acerta com concessionária para jogar ao menos 10 vezes no Pacaembu em 2020
"O Pacaembu faz parte da história do Santos Futebol Clube. Nele conquistamos títulos de grande expressão, como nossa última Libertadores, e também fortalecemos nosso vínculo com nossa torcida localizada na capital e grande São Paulo. Equilibrar mandos de jogos entre Vila Belmiro e Pacaembu é um dos nossos maiores compromissos. Movimento importante para arrecadação de bilheteria, aumento do programa de sócios e maior visibilidade do Clube", disse o presidente José Carlos Peres, em declarações ao site oficial.

"Estamos muito felizes em receber o Santos FC no Pacaembu. Sem dúvida, esta será uma parceria duradoura. Queremos que a torcida santista sinta-se em casa e tenha uma excelente experiência no Pacaembu", afirmou Eduardo Barella, CEO da Allegra Pacaembu.

LADO A LADO
Em 2019, o Santos disputou 12 partidas no Pacaembu. Venceu oito, perdeu três e empatou só uma. Mas foi no estádio paulistano que aconteceram as eliminações em três competições: Campeonato Paulista, para o Corinthians nas semifinais; Copa Sul-Americana, para o River Plate uruguaio na primeira fase; e Copa do Brasil, para o Atlético-MG nas oitavas de final.