Feminino: Em busca de título braslileiro, Rio Preto recebe São José

Por ter melhor campanha, o time joseense tem a vantagem de decidir em casa

por Oscar Silva

São José do Rio Preto, SP, 21 (AFI) - Em busca de um título inédito, as meninas do Rio Preto Esporte Clube já conhece o seu adversário da final do Campeonato Brasileiro Feminino edição de número três. O adversário será o São José, da cidade de São José dos Campos, que golearam na última quarta-feira, no Martins Pereira, a representação do Tirandentes-PI, por 5 a 0. No jogo de ida em Teresina-PI, aconteceu empate 1 a 1. Com isso, duas equipes paulistas vão decidir o título. Por ter feito melhor campanha durante toda a competição, o São José vai decidir em casa.

O primeiro confronto está previsto para este domingo, em São José do Rio Preto, no estádio Anísio Haddad, ás 19 horas. O jogo de volta acontece na próxima quarta-feira, em São José dos Campos, também ás 19 horas. A competição que é patrocinada pela Caixa Econômica Federal, destina para cada jogo em casa uma quantia de R$ 7 mil e fora de casa o valor é de R$ 5 mil, além de transporte aéreo ou rodoviário. Para encarar o São José, o técnico Chicão Inojo, não poderá contar com o futebol da atleta Suzana, que recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Centro Olímpico. Em compensação, está de volta após cumprir automática a jogadora Elis, que joga de volante.
RETROSPECTO

O time rio-pretense não tem um bom retrospecto diante do time do Vale do Paraíba. Nas três últimas vezes que se enfrentaram em mata-mata, o São José levou a melhor. A equipe joseense levou vantagem na semifinal do Paulista de 2013, com dois empates e melhor campanha no geral. Depois despachou as rio-pretenses na semifinal do Brasileiro do mesmo ano e na segunda fase da Copa do Brasil de 2014. "É um jogo que precisamos fazer a lição de casa, caso contrário as coísas se tornam mais dificies depois jogando na casa deles. Acredito e muito no potencial da minha equipe", disse o treinador rio-pretense.
APOIO
O presidente do Verdão da Vila Universitária, Suélio Ribeiro dos Santos, pede apoio e a presença em massa da torcida rio-pretense. O jogo é realizado de portões abertos. "Estamos há um passo para conquistar na história do clube um título inédito. O nosso adversário é muito bom e, por isso contamos com a presença de um grande público para incentivar as meninas do começo ao fim. Precisamos fazer a lição de casa para depois jogar mais tranquilo na casa deles que por sinal é bastante complicado e difícil", disse o dirigente rio-pretense.
 
 
" />