Série B: Diante do Bragantino, Ponte desafia retrospecto contra rivais paulistas

Em sete duelos contra adversários locais, Macaca tem duas vitórias, três empates, duas derrotas e 42,8% de aproveitamento

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 18 (AFI) - Em busca de reaproximação do G4, a Ponte Preta desafia neste sábado, diante do Bragantino, a partir das 16h30, no Estádio Moisés Lucarelli, a sina recente de tropeços frente rivais paulistas na Série B do Campeonato Brasileiro.

O encontro com rivais locais, aliás, nem sempre é sinônimo de bom resultado à Macaca. Em sete duelos regionais no torneio, Macaca tem duas vitórias (Oeste e Guarani), três empates (Botafogo, São Bento e Oeste), duas derrotas (Bragantino e Botafogo) e 42,8% de aproveitamento.

O embate frente o Massa Bruta marca o reencontro com o clube responsável por interromper a sequência positiva no primeiro turno.

Ainda sob comando de Jorginho, atualmente no Corinthians, Alvinegra alcançou cinco vitórias e quatro empates, o que, por pouco, não culminou na liderança.

Ponte tem desempenho inferior a 50% contra rivais paulistas na Série B - Ari Ferreira / Bragantino
Ponte tem desempenho inferior a 50% contra rivais paulistas na Série B
QUEDA LIVRE

Desde o revés em Bragança Paulista, porém, no término de julho, a instabilidade tomou conta dos bastidores do Majestoso, o que resultou no distanciamento do pelotão de frente - hoje, é de seis pontos.

"Fiz um estudo. Entendi que a Ponte Preta foi até melhor no primeiro tempo em Bragança, não só pelo gol, mas pelo volume de jogo. Por incrível que pareça, quando ficou com um homem a mais, a Ponte não soube usar essa superioridade e viu o adversário melhor. Ao levar o gol de empate, senti o time nervoso e fizeram o segundo gol", analisou Kleina, em entrevista coletiva.

"De repente, aquele jogo poderia ter mudado a história, com a Ponte na liderança e o Jorginho aqui. É bom salientar por ser um trabalho muito bem realizado. Ao mesmo tempo, as coisas desandaram. Não foi possível manter o time. Em um turno, notei como mudou o plantel", emendou o comandante.