Paulistão: Brigatti analisa derrota e terá que mexer no esquema da Ponte

Sem muito tempo para trabalhar, Brigatti teve que fazer o famoso “feijão com arroz”

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 20 (AFI) – Sempre enérgico e motivador, João Brigatti teve que adotar uma postura mais passiva na coletiva realizada na manhã desta segunda-feira. Uma semana após dizer que iria “passar por cima” do Novorizontino, o treinador interino viu a Ponte Preta cair dentro do estádio Moisés Lucarelli por 2 a 1 e, ainda assim, se manter na liderança do Grupo D. Justamente pensando na classificação, o time se prepara para esta 10ª rodada do Campeonato Paulista.

O jogo com o Santo André já está marcado para esta terça-feira, às 15 horas, no estádio Bruno José Daniel. Restando três jogos para o encerramento desta primeira fase, o treinador viaja com o grupo até o ABC Paulista de olho nos três pontos, já que todos os times do grupo perderam seus jogos e mantiveram a Ponte Preta na liderança, com 15 pontos. Vale lembrar que o Mirassol vem perto, com 14, seguido pelo Santos, que tem 13.

Sem muito tempo para trabalhar, Brigatti teve que fazer o famoso “feijão com arroz”. O certo é que o atacante Clayson, considerado peça fundamental no time, retorna de suspenso e deve tomar a vaga de Lins. Por outro lado, o meia Ravanelli tomou o terceiro cartão amarelo e obrigará o técnico a mexer no esquema tático. Recém liberado do Departamento Médico, o volante Élton deve atuar ao lado de Matheus Jesus e Fernando Bob, dando mais consistência ao setor.

Brigatti analisa derrota e terá que mexer no esquema da Ponte Preta após a derrota para o Novorizontino por 2 a 1
Brigatti analisa derrota e terá que mexer no esquema da Ponte Preta após a derrota para o Novorizontino por 2 a 1
“Eles trocaram de treinador, vem de uma vitória contra o Mirassol fora de casa e vão vir empolgados. Mas isso quem tem que superar somos nós, em busca da vitória, para ficarmos ainda mais perto da classificação”, avaliou Brigatti sobre o adversário desta terça-feira. O Santo André atualmente tem 10 pontos e conseguiu sair da zona de rebaixamento, mas segue na briga contra a degola, já que a Ferroviária, primeira no descenso, tem oito.

Além disso, o interino também analisou a derrota para o Novorizontino e conseguiu encontrar os erros da Ponte que, de acordo com ele, serão sanados para o jogo em Santo André. “A gente se perdeu bastante na marcação. O Matheus e o Bob pela direita, o próprio Pottker acumulando, junto com o Lins, também pela direita e por isso nosso time ficou penso. O meia deles, muito habilidoso, viu isso e criou vários jogadas contra nós”, finalizou Brigatti.

aaa