Audax 0 x 0 Nacional - Naça perde chance de assumir liderança da Série A2

O time comandado por Tuca Guimarães, inclusive, corre o risco de deixar o G4 no complemento da rodada

por Agência Futebol Interior

Osasco, SP, 10 (AFI) - Devido ao tropeço mais cedo do São Bernardo no Vale do Paraíba - derrota por 3 a 1 para o Taubaté -, o Nacional poderia dormir esse sábado na liderança do Campeonato Paulista da Série A2, mas isso não aconteceu porque não conseguiu sair do 0 a 0 com o Audax, no José Liberatti, pela 12ª rodada.

Invicto há seis jogos - quatro vitórias e dois empates -, o Naça segue entre os quatro melhores, com 21 pontos, mas pode ser perder duas posições ainda essa rodada, que será encerrada apenas na segunda-feira. O Audax segue na 14ª colocação, com nove pontos e corre o risco de entrar na zona de rebaixamento na segunda-feira, quando a Portuguesa enfrenta o Penapolense, fora de casa.

FOI MOVIMENTADO
Precisando da vitória a todo custo por conta do rebaixamento, o Audax começou a partida pressionando o Nacional e com uma marcação bastante adiantada. No entanto, a primeira finalização foi do Naça. Bruno Xavier recebeu na entrada da área e bateu nas mãos de Jefferson Paulino. A arbitragem anulou o gol de Jeferson Souza aos dez.

O Nacional poderia dormir na liderança se não tivesse tropeçado no desesperado Audax (Foto: Ale Vianna/Nacional)
O Nacional poderia dormir na liderança se não tivesse tropeçado no desesperado Audax (Foto: Ale Vianna/Nacional)
O Audax respondeu na sequência com um belo contra ataque. Léo Rocha encontrou Denilson dentro da área e o atacante exigiu grande defesa de Maurício, que espalmou para escanteio. Na sequência, Léo Rocha cobrou escanteio e cabeçada de Robert explodiu no travessão. Denilson era o principal jogador ofensivo do time de Osasco.

Aos 26, o meia finalizou rasteiro e Maurício foi buscar no cantinho. Depois foi a vez do Nacional assustar. Bruno Xavier soltou a bomba e viu a bola explodir na trave de Jefferson Paulino. O goleiro salvou o Audax em finalização de Bruno Nunes. A partida deu uma esfriada nos minutos finais.

NADA DE GOLS
O Nacional voltou mais ligado do intervalo e criou duas boas chances antes dos dez minutos. Thiago Santos dominou no peito e bateu por cima do gol. Na sequência, Samuel Balbino puxou para o meio e finalizou com muito perigo. A resposta do Audax veio com Robert. O atacante recebeu cruzamento de Marcondele e acertou um bonito voleio no travessão.

Os dois treinadores faziam de tudo em busca da vitória. Marcondele puxou contra ataque, mas Gilcimar errou o passe e desperdiçou boa oportunidade. Aos 33 minutos, Vitor Braga arriscou de fora da área, a bola desviou no meio do caminho e saiu pela linha de fundo. Jefferson Paulino apenas observou.

No contra ataque, o Nacional desperdiçou uma chance incrível de abrir o placar aos 41 minutos. Marcelinho foi lançado nas costas da defesa, driblou Jefferson Paulino e ficou com o gol aberto, mas demorou muito para chutar e deu chance para o zagueiro Anderson se recuperar. Na beira do gramado, o técnico Tuca Guimarães xingou demais seu jogador.

PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a campo no próximo sábado, às 17 horas, pela 13ª rodada. O Audax enfrenta o lanterna Água Santa, no Distrital do Inamar, em Diadema, enquanto o Nacional recebe o XV de Piracicaba, no Nicolau Alayon, em São Paulo.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
12ª rodada
Data
10/03/2018
Horário
17h00
Local
Municipal Prefeito José Liberatti - Osasco (SP)
Árbitro
Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral

Assistentes
Eduardo Vequi Marciano e Fausto Augusto Viana Moretti

Cartões Amarelos
Osasco Audax: Matheus Azevedo
Nacional: Everton Dias

Osasco Audax
Jefferson Paulino;
Anderson, Maurício, Adriel e Leo Bahia;
Marquinhos, Matheus Azevedo, Léo Rocha e Denilson (Wesley);
Robert (Gilcimar) e Thiago Silvy (Marcondele).
Técnico: Max Sandro
Nacional
Maurício;
Thiaguinho, Jeferson Souza, Everton Dias e Samuel Balbino;
Everton, Rodrigo Souza, Thiago Santos e Emerson Mi (Vitor Braga);
Bruno Nunes (Luiz Henrique) e Bruno Xavier (Marcelinho).
Técnico: Tuca Guimarães
 
 
" />