Especulado no Palmeiras, treinador argentino deixa clube da MLS

Guillermo Schelotto não aguentou a goleada sofrida para o Portland Timbers

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 29 (AFI) - Um dos nomes especulados para assumir o Palmeiras nos últimos dias, o argentino Guillermo Schelotto não é mais o treinador dos Los Angeles Galaxy, dos Estados Unidos.

A saída do argentino foi comunicada nesta quinta-feira, um dia depois dos Los Angeles Galaxy ter sido goleado pelo Portland Timbers, por 5 a 2, pela Major League Soccer.

Guillermo Schelotto foi demitido dos Los Angeles Galaxy
Guillermo Schelotto foi demitido dos Los Angeles Galaxy

GOTA D' AGUA
Na verdade, essa derrota foi a gota d'água para que Guillermo Schelotto fosse demitido.

O momento do Los Angeles Galaxy não é nada bom. Nos últimos dez jogos, o time teve oito derrotas, um empate e uma derrota.

Recentemente, em entrevista ao jornalista Paulo Vinícius Coelho, o treinador argentino falou que seria uma honra trabalhar no futebol brasileiro e chegou a comparar o Palmeiras com o Boca Juniors, clube que fez sucesso como jogador e treinador.

"As pessoas nunca sabem exatamente o que se passa amanhã. Hoje estou aqui no Los Angeles Galaxy. Amanhã... Quem sabe?", despistou o treinador ao ser perguntado se recebeu uma proposta do Verdão.

COUDET AVISA QUE PRECISA DE MAIS REFORÇOS NO INTER-RS

MAIS DELE
Guillermo Schelotto tem 43 anos e fez história atuando como meia com a camisa do Boca Juniors de 1997 a 2007. Depois de pendurar as chuteiras, teve sua primeira experiência como treinador no Lanus, onde ficou por três anos e foi campeão da Sul-Americana em 2013 sobre a Ponte Preta.

Após uma passagem pelo Palermo, Schelotto assumiu o Boca Juniors, sendo bicampeão argentino. Além disso, ele chegou até a final da Copa Libertadores em 2018, sendo vice-campeão. Ficou no clube de 2016 a 2018. No ano seguinte, assumiu o Los Angeles Galaxy.