Paulistão: Baptista exalta 'maturidade' do Palmeiras e diz que poupará titulares

Na semana passada, o Palmeiras só conseguiu superar o The Strongest com um gol marcado pelo zagueiro Mina aos 50 minutos

por Agência Estado

São Paulo, SP, 20 - As vitórias sobre o Jorge Wilstermann pela Libertadores e sobre o Santos pelo Paulistão indicam que o Palmeiras dá sinais de evolução neste início de temporada. Pelo menos esta é a visão do treinador Eduardo Baptista, para quem a equipe mostrou "maturidade" para vencer dois jogos complicados e em situações bem diferentes.

"Tivemos um jogo difícil contra o time boliviano, que se fechou, mas tivemos paciência e objetividade para buscar o gol até o último momento. Passamos bem pelos clássicos, mas temos de continuar trabalhando e buscando evolução. O elenco vem maturando. Nós sofremos contra o Santos, mas mostramos maturidade", ressaltou o comandante, em entrevista coletiva dada na Vila Belmiro.

Na semana passada, o Palmeiras só conseguiu superar o The Strongest com um gol marcado pelo zagueiro Mina aos 50 minutos do segundo tempo. Já contra o Santos, neste domingo, o time de Eduardo Baptista alcançou a virada por 2 a 1 com dois gols depois dos 40 minutos do segundo tempo. Antes, havia derrotado o São Paulo por 3 a 0 no Allianz Parque.

Esses jogos mostram um cenário diferente, por exemplo, da derrota do Palmeiras para o Corinthians, por 1 a 0, também pelo Paulistão. Na ocasião, foi o time de Eduardo Baptista que perdeu as melhores chances de gol e acabou derrotado mesmo jogando com um homem a mais em todo o segundo tempo após a expulsão injusta do volante Gabriel no finalzinho da primeira etapa. Já o resultado deste domingo, para o treinador, reforça a "solidificação" de um trabalho.

Baptista exalta 'maturidade' do Palmeiras e diz que poupará titulares
Baptista exalta 'maturidade' do Palmeiras e diz que poupará titulares
"Quando traçamos nossa estratégia vendo as tabelas, tomamos essa sequência como importante para solidificar trabalho. Não para provar nada para ninguém. Tivemos bons jogos, dificuldades, mas conseguimos bons resultados. Agora é trabalhar com equilíbrio para entrar em abril com outro nível de competição, porque teremos jogos decisivos no Paulista e na Libertadores."

Classificado para a próxima fase do Campeonato Paulista, o Palmeiras volta campo na próxima quarta-feira diante do Mirassol no Allianz Parque. Eduardo Baptista adiantou que pretende poupar alguns jogadores e dar chance a atletas que vem sendo pouco utilizados.

"Queremos dar oportunidade a quem jogou menos ou não jogou para dar volume, equilíbrio, e descansar quem já está no limite. Vamos escalar a melhor equipe sem quebrar a espinha dorsal. Precisamos ganhar para efetivar a melhor campanha."