Após Recopa Gaúcha, técnico do Grêmio promete mais títulos na temporada

A promessa no clube, de dirigentes, do técnico Renato Gaúcho e dos jogadores é de uma brilhante temporada.

por Agência Estado

Porto Alegre, RS, 10 (AFI) - Campeão da Recopa Gaúcha, o Grêmio festejou a sua primeira conquista neste ano após a goleada por 6 a 0 sobre o Avenida, neste domingo à noite, na sua arena, em Porto Alegre. A promessa no clube, de dirigentes, do técnico Renato Gaúcho e dos jogadores é de uma brilhante temporada.

O Grêmio ainda vai disputar a Copa Libertadores, Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro. Além de lutar pelo bicampeonato gaúcho.

RECOPA COM UMA FITA DE LUTO
RECOPA COM UMA FITA DE LUTO

O jogo valeu a taça ofertada pela Federação Gaúcha por reunir o atual campeão estadual, o Grêmio, e o Avenida, que levantou a Copa Wianey Carlet.

Um título bastante comemorado, inclusive com volta olímpica, desconsiderando até a decisão do técnico Fabiano Daitx de escalar um time misto por priorizar a estreia do time de Santa Cruz do Sul na Copa do Brasil contra o Guarani-SP, na próxima quarta-feira.

QUINTO TÍTULO
Este foi o quinto título conquistado pelo Grêmio sob o comando de Renato Gaúcho, que antes já tinha levantando a Copa do Brasil, a Copa Libertadores, a Recopa Sul-Americana e o Gaúcho do ano passado.

"O Grêmio é isso: um time que joga sempre para vencer e para ser campeão", resumiu.

"É resultado de trabalho, sempre respeitando os adversários e buscando nossos adversários. Ninguém consegue nada sem trabalhar. Hoje o Grêmio tem o melhor ataque e a melhor defesa e não é à toa", disse.

Grêmio buscou gol desde o primeiro minuto e foi campeão com goleada de 6 a 0 sobre o Avenida
Grêmio buscou gol desde o primeiro minuto e foi campeão com goleada de 6 a 0 sobre o Avenida

TÍTULO IMPORTANTE
O técnico também ressaltou a importância de comemorar um título, mesmo que menosprezado pelo rival Internacional.

"Tem que comemorar porque é mais uma taça. Fomos campeões [estaduais] no ano passado e isso nos deu a chance de disputar mais um título. Tanto que falei com o grupo que era preciso vencer.

Temos um grupo vencedor, bons profissionais e que pegaram o gostinho de ganhar títulos, dar a volta olímpica e entrar para a história do clube. O meu grupo não vai se acomodar nunca."