Paulista A3: EC São Bernardo fecha com volante da República Tcheca

Josef Šmalcl, o Pepi, chega ao clube para a disputa da Copa São Paulo de Futebol Junior e para a Série A3 de 2019

por Agência Futebol Interior

São Bernardo do Campo, SP, 21 (AFI) - A participação de jogadores europeus no futebol brasileiro não é uma novidade. Logo de cara o torcedor se lembra do sérvio Petkovic e do holandês Seedorf, ídolos de Flamengo e Botafogo, respectivamente, alguns de memória mais invejada se recordarão do espanhol Fran Mérida e do italiano Marco Ósio, que não deixaram saudade em Atlético-PR e Palmeiras.


O primeiro atleta da República Tcheca a atuar no futebol brasileiro é o volante Josef Šmalcl, de apenas 19 anos. Nesta semana ele foi apresentado como novo reforço do EC São Bernardo que disputará a Copa São Paulo de Juniores e a Série A3 do Campeonato Paulista. O jogador defendia o time sub-20 do Dukla Praha, da primeira divisão local.
Pepi, foto, será o primeiro atleta da República Tcheca a atuar no Brasil (foto: Divulgação/ EC São Bernardo)
Pepi, foto, será o primeiro atleta da República Tcheca a atuar no Brasil (foto: Divulgação/ EC São Bernardo)

Já arranhando o português, Josef, também conhecido como Pepi, falou da chegada ao Brasil e da adaptação no novo clube.

"Estudei o idioma por foi meses com um professor particular na República Tcheca então eu já sei falar algumas coisas. Agora quero aprender a conversar. O estilo do brasileiro é diferente, eles são mais habilidosos e sei que não será fácil me adaptar. Preciso ser paciente para me acostumar aos costumes e ao jeito de trabalhar", disse o atleta com ajuda de seu empresário.
COMO PAROU NO BRASIL?
Responsável por trazer Josef Šmalcl ao Brasil, Leandro Unzueta falou dos motivos que fizeram o EC São Bernardo investir em um estrangeiro.
“Tenho uma relação boa com alguns clubes europeus, principalmente da República Tcheca. Tinha essa vontade de fazer essa ligação entre os países porque vejo que essa troca de experiências pode ser muito benéfica. A vinda do Pepi aguça a curiosidade do tcheco sobre a performance dele aqui no Brasil e o nome do EC São Bernardo está exposto lá. O futebol está na mesmice, estão decidimos trazer essa novidade. Aos poucos vamos mostrando que nosso país está aberto também para receber os estrangeiros”, disse o empresário.
DESDE PEQUENO
O início de carreira de Pepi foi aos cinco anos no pequeno SK Aritma Praha.
"Meus pais me apoiaram bastante desde o começo e me incentivaram a virar jogador. Vimos que a oportunidade de vir ao Brasil seria boa não só para eu melhorar como profissional, mas também para crescer como pessoa", contou o volante. Já treinando no EC São Bernardo, Pepi disputará a Copinha 2019 e a Série A3 estadual.
 
 
" />