ESPECIAL SELEÇÃO BRASILEIRA: O respeito voltou!

Nas mãos de Tite, o Brasil voltou a ser temido e aparece como um dos favoritos para conquistar o hexa

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 01 (AFI) – Em 2017, a Seleção Brasileira, comandada pelo técnico Tite, voltou a ser respeitada pelas demais equipes. Algo que tinha perdido após a vexatória derrota, por 7 a 1, diante da Alemanha, em pleno Mineirão, na semifinal da Copa do Mundo de 2017.

Na atual temporada, o Brasil fez frente com qualquer seleção, terminou em primeiro nas Eliminatórias, carimbou a vaga para a Copa do Mundo e voltou a ser temida, tudo por conta do trabalho excepcional do treinador, que contou com 60 jogadores nessa mudança.

Exato! Desde que chegou na seleção, Tite chamou 60 atletas e, provavelmente, desses sairão os convocados para a Copa da Rússia, vaga que veio com tranqüilidade com a grande ascensão da seleção brasileira nas Eliminatórias.

Tite vem sendo o grande responsável pela mudança no estilo de jogo da seleção
Tite vem sendo o grande responsável pela mudança no estilo de jogo da seleção

Ao todo, o Brasil disputou 11 jogos em 2017, incluindo aí o Jogo da Amizade, com a Colômbia, que contou apenas com jogadores que atuavam nos dois países. Foram: sete vitórias,três empates e uma derrota, esta para a Argentina, por 1 a 0, em amistoso.

Em agosto, os comandados de Tite conquistaram um feito inédito ao alcançarem a marca de nove triunfos seguidos nas Eliminatórias, no triunfo diante do Equador por 2 a 0.

COPA DO MUNDO
O Brasil conquistou a vaga para a Copa ao golear o Paraguai, no Itaquerão, por 3 a 0, resultado que também o colocou como o primeiro colocado no Ranking da Fifa - terminou o ano em segundo -, que lhe rendeu o direito de ser cabeça de chave na Rússia.

A Seleção não terá vida fácil no Mundial. A equipe de Tite enfrentará a forte Suíça, além da surpresa da última Copa, a Costa Rica, e a Sérvia. Mostrando que muitos desafios estão por vir na busca pelo hexacampeonato.

CONVOCADOS
Tite já tem uma base dos jogadores que levará para a Copa e muito deles passam por seu time principal. O goleiro Alisson, os lateral Marcelo e Daniel Alves, os zagueiros Miranda e Marquinhos, os méis Renato Augusto, Paulinho, Casemiro e Willian, além de Neymar e Gabriel Jesus, certamente estarão no Mundial.

Neymar é a grande arma da seleção brasileira de Tite
Neymar é a grande arma da seleção brasileira de Tite

No entanto, o treinador deixou algumas vagas em aberto e mostrou que pode dar uma oportunidade para Diego Souza, do Sport, Arthur e Luan, do Grêmio, além de Diego Tardelli, que está no futebol chinês.

Para 2018, a Seleção Brasileira já tem dois compromissos marcados. No dia 23 de março, em Moscou, enfrenta a Rússia, que sediará a Copa do Mundo do próximo ano. Depois, no dia 27, o adversário será a Alemanha, em Berlim.

Confira todos os jogadores que foram convocados por Tite:

Goleiros: Alisson, Weverton, Ederson, Alex Muralha, Cássio, Diego ALves, Marcelo Grohe e Danilo Fernandes.

Zagueiros: Marquinhos, Miranda, Thiago Silva, Gil, Rodrigo Caio, Jemerson, David Luiz, Geromel, Luan e Victor Hugo.

Laterais: Fágner, Daniel Alves, Danilo, Rafinha, Marcos Rocha, Mariano, Filipe Luis, Marcelo, Alex Sandro, Fábio Santos, Jorge e Wendell.

Volantes: Paulinho, Casemiro, Fernandinho, Rafael Carioca, Henrique, Walace, Willian Arão e Arthur.

Meio-campo: Renato Augusto, Coutinho, Willian, Giuliano, Lucas Lima, Diego, Rodriguinho, Oscar, Gustavo Scarpa, Camilo e Fred.

Atacantes: Gabriel JEsus, Neymar, Douglas Costa, Roberto Firmino,Taison, Diego Souza, Gabigol, Dudu, Robinho, Luan e Diego Tardelli.