Juazeirense-BA 3 (4) x (2) 3 Volta Redonda-RJ - Cancão avança após levar 3 a 0 no 1º tempo

Depois de sair perdendo por 3 a 0, o time baiano empatou o jogo e desbancou o time fluminense nos pênaltis

por Agência Futebol Interior

Juazeiro, BA, 07 (AFI) - A Juazeirense conquistou uma classificação incrível nesta quarta-feira, no Estádio Adauto Moraes. Depois de sair perdendo por 3 a 0 no intervalo, o time baiano empatou o jogo com o Volta Redonda por 3 a 3 e desbancou o time fluminense nos pênaltis, por 4 a 2. Com isso, garantiu vaga na terceira fase da Copa do Brasil.

Com a campanha, O Volta Redonda embolsa R$ 1,235 milhão, R$ 560 mil pela participação na primeira fase e R$ 675 mil na segunda. A Juazeirense, além dos R$ 1,235 milhão dessas duas fases iniciais, garantiu mais R$ 1,7 milhão com a classificação à terceira fase.

A partir da terceira fase, a disputa é feita em jogos de ida e volta. Empate no placar agregado leva a decisão aos pênaltis. A terceira fase, que ainda terá os confrontos definidos em sorteio, também contará com as entradas dos paulistas São Paulo, Palmeiras e Santos, além de Flamengo, Ceará, Internacional, Brasiliense-DF, Atlético-MG, Chapecoense, Athletico-PR, Fluminense e Grêmio.

CONFIRA OS MELHORES MOMENTOS:

Espaço incorporado por HTML (embed)

VOLTAÇO FAZ 3 A 0

O Volta Redonda começou o jogo em ritmo avassalador e em menos de dez minutos colocou dois gols de vantagem no marcador. O primeiro do Tricolor saiu aos quatro minutos, depois de jogada ensaiada em cobrança de escanteio, Alef Manga levantou na medida para Luiz Paulo estufar as redes do Adauto Moraes.

Na sequência, Gabriel Pereira foi quem aproveitou cruzamento na área para fazer o segundo. E não parou por aí. Aos 17, Alef Manga recebeu na entrada da área, limpou a marcação e soltou uma bomba sem chances de defesa: 3 a 0. Tentando uma reação, a Juazeirense tentou pressionar mais no ataque, principalmente a partir dos 30 minutos. Elcarlos, Wendell e Kanu criaram boas oportunidades, mas não conseguiram furar o bloqueio adversário. Já aos 42, o Volta Redonda voltou a levar perigo em arremate de MV, que passou raspando o poste baiano.

JUAZEIRENSE BUSCA EMPATE HEROICO

Depois das conversas nos vestiários, a equipe baiana diminuiu o prejuízo, logo aos nove minutos, em finalização de Daniel Nazaré. Do lado tricolor, MV e Alef tiveram chances de ampliar, mas Rodrigo Calaça fez duas grandes defesas evitando o quarto dos visitantes, aos 18. A resposta do time da casa foi rápida e certeira.

Aos 21, Wendell aproveitou cobrança de escanteio para fazer o segundo da Juazeirense: 3 a 2. Com o placar, o jogo ganhou em emoção. Heitor e Bruno Barra assustaram para o Volta Redonda. Enquanto Carlinhos quase empatou a partida para os baianos. Até que, já na marca dos 51 minutos, Kanu, estreante do dia, deixou tudo igual para a Juazeirense e levou a decisão para as penalidades.

PÊNALTIS

Com a bola na marca da cal, Ian Augusto, Wendell, Martín Rivas e Kesley marcaram para o time da casa, que também contou com duas defesas do goleiro Rodrigo Calaça para carimbar a classificação.

Ficha Técnica

Fase
Segunda Fase
Rodada
1ª rodada
Data
07/04/2021
Horário
16h00
Local
Adauto Moraes - Juazeiro (BA)
Árbitro
Jonathan Antero Silva (RO)

Assistentes
Márcia Bezerra Lopes Caetano (RO) e Adenilson De Souza Barros (RO)

Cartões Amarelos
Juazeirense -BA: Wendell, Dedé

Gols
Juazeirense -BA: Daniel Nazaré 9' 2T, Wendell 21' 2T, Kanu 51' 2T
Volta Redonda-RJ: João Carlos 4' 1T, Heitor 9' 1T, Alef Manga 17' 1T
Juazeirense -BA
Rodrigo Calaça;
Carlinhos, Dedé (Wendell), Jamerson e Daniel Nazaré (Martín Rivas);
Waguinho, Sapé, Patrik (Kanu) e Clébson;
Kesley e Elcarlos.
Técnico: Givanildo Sales
Volta Redonda-RJ
Andrey (Vinícius);
Oliveira, Gabriel Pereira (Wallisson), Heitor e Luiz Paulo;
Bruno Barra, Emerson (Marcinho), Luciano Naninho (Luan Leite);
Alef Manga, João Carlos e MV (Marcos Bebê).
Técnico: Neto Colucci