Paulista A3: Comercial reconhece a passagem positiva e lucrativa de Ruddy Flores

Conhecido por seu ‘faro de craques’, foi ele quem viu qualidades no atacante Tarik que defende o Al-Nasr, dos Emirados Árabes

por Agência Futebol Interior

Ruddy Flores: olho clínico
Ruddy Flores: olho clínico

Ribeirão Preto, SP, 22 (AFI) – A curta passagem do dirigente Ruddy Flores pelo Comercial rendeu bons frutos para o alvinegro de Ribeirão Preto.

Conhecido por seu ‘faro de craques’, foi ele quem viu qualidades no atacante Tarik que, apenas aos 19 anos, já foi negociado com o Al-Nasr da cidade de Dubai nos Emirados Árabes Unidos. A promessa marcou oito gols no Paulista Sub-20.

O jogador já está no clube árabe, o mais antigo e tradicional dos Emirados e, segundo flores, com certeza, vai ainda se destacar muito dentro do futebol. Os valores da transação não foram revelados pelos dois clubes.

Tarik já está jogando pelo Al-Nasr
Tarik já está jogando pelo Al-Nasr

“Tarik é um garoto de muitas qualidades técnicas e que, com o tempo, vai ganhar maturidade, vai se aperfeiçoar e render muito mais em campo.

Além disso, ele cheira gol. A bola sobrou, ele marca mesmo” – analisou Ruddy Flores que recebeu um telefonema de agradecimento do presidente do Bafo, Ademir Chiari.

Mais recompensado ainda ficou flores ao receber uma mensagem por zap de Tarik, já nos Emirados Árabes, com os seguintes dizeres:

"Grato por ter me proporcionado esta oportunidade".

TRABALHO INTERROMPIDO

Ruddy Machado chegou ao estádio Palma Travassos em plena pandemia com a missão de reformular a base do clube.

Rapidamente montou um time com garotos da categoria Sub-20 que visava a disputa da tradicional Copa São Paulo de Juniores, que acontece sempre no mês de janeiro no Estado de São Paulo, mas, por causa da Covid-19, a competição foi cancelada pela Federação Paulista de Futebol (FPF).

Tarik explodiu rapidamente no Comercial
Tarik explodiu rapidamente no Comercial

Os planos foram interrompidos por um surto de covid na base do Comercial e depois pelo cancelamento da tradicional Copinha.

OLHO CLÍNICO
Poucas pessoas no mundo do futebol têm a capacidade de descobrir talentos em poucos treinos ou em apenas uma peneira. Ruddy Flores é uma destas pessoas.

Ao longo de sua vida de três décadas como dirigente, após pendurar as chuteiras precocemente, o gaúcho já revelou nomes como o zagueiro Alex Bruno, campeão mundial pelo São Paulo, o também zagueiro Paulo André, que passou por grandes clubes como Corinthians, Cruzeiro e Athletico, além de atuar no exterior;

Outros destaques foram o meia Maicossuel, ex-Atlético-MG e Botafogo e o meia Alex, que começou no Guarani como lateral e encerrou a carreira pelo Internacional-RS.

BRASILEIRO - MICHEL BASTAS REVELA CASOS DE PRECONCEITO