Volta Redonda 1 x 0 Vasco - Cruzmaltino joga bem, mas é punido por ineficiência

Com o resultado, o Vasco segue sem pontuar no Campeonato Carioca e está na parte de baixo da tabela

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ 06 (AFI) - Mais uma vez com o elenco sub-20, o Vasco jogou bem, criou chances, mas foi punido pela falta de efetividade. Na noite deste sábado, foi derrotado, por 1 a 0, pelo Volta Redonda, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), pela segunda rodada da Taça Guanabara. O único gol só saiu aos 38 minutos do segundo tempo, com João Carlos, após amplo domínio dos visitantes.

COMO FICA?

Com o resultado, o Vasco segue sem pontuar no Campeonato Carioca e está na parte de baixo da tabela. O Volta Redonda, por outro lado, vinha de empate e chegou a quatro pontos, assumindo provisoriamente a vice-liderança. Na terceira rodada, o Vasco entra em campo no sábado, às 18h, diante do Nova Iguaçu, que mandará o jogo em São Januário, estádio vascaíno. No domingo, às 15h30, o Volta Redonda visita a Portuguesa no Luso Brasileiro.

BOM PRIMEIRO TEMPO

A partida foi bem movimentada no primeiro tempo, com o Vasco criando muito mais volume de jogo. Logo no começo, MT cruzou e a bola quase chegou em Gabriel Pec na segunda trave. O Volta Redonda não conseguiu criar muitas chances, tanto que só chegou ao gol adversário aos 26 minutos. No lance, Luiz Paulo chutou muito forte da esquerda e a bola passou por cima, com perigo.

O Vasco continuou em cima e chegou bem aos 29, quando Lucas Figueiredo arriscou e a bola passou perto da trave. Os mandantes responderam novamente e testaram o goleiro Lucão. Bruno Barra chutou firme, de fora da área, e o goleiro vascaíno precisou defender de manchete.

Foto: Andre Moreira / VRFC
Foto: Andre Moreira / VRFC
MELHORES CHANCES E BOLA NA TRAVE

As melhores chances do primeiro tempo foram criadas nos minutos finais e o Vasco só não saiu à frente do placar por conta da excelente atuação do goleiro Andrey, que fez duas grandes defesas em chutes de Laranjeira, destaque do lado cruzmaltino.

Aos 38, o atacante ficou com rebote na entrada e, sem deixar a bola cair, chutou bonito. Depois, arriscou de longe, Andrey desviou e contou com a sorte para a bola bater na trave.

VASCO CRIA NO SEGUNDO TEMPO

No segundo tempo, a chuva ficou mais forte, o que diminuiu a qualidade do jogo e as chances de gol criadas dos dois times. Depois que diminuiu, o Vasco quase marcou com Arthur, aos 31 minutos. Ele ganhou no alto do goleiro, que saiu mal e a bola caminhava para bater na trave e talvez entrar, mas o zagueiro Gabriel afastou.

Logo em seguida, Gabriel Pec fez excelente passe na esquerda, com uma cavadinha, para Arthur, que girou bem e chutou de esquerda para defesa do goleiro, que estava bem posicionado. Em outro lance, MT deu lindo passe por cima para Tiago Reis, que invadiu a área e chutou cruzado, para fora.

PUNIÇÃO E VITÓRIA DO VOLTA REDONDA

E no final do jogo, aos 38 minutos, a falta de efetividade do Vasco foi duramente punida. Após cobrança de lateral pela direita, a bola foi cruzada para a área e encontrou João Carlos. Mesmo com dois marcadores próximos, ele conseguiu dominar no peito e chutar para abrir o placar. Abatido, o Vasco não teve forças para buscar o empate nos minutos finais.

Ficha Técnica

Fase
Taça Guanabara
Rodada
2ª rodada
Data
06/03/2021
Horário
21h05
Local
Raulino de Oliveira - Volta Redonda (RJ)
Árbitro
Rodrigo Carvalhaes de Miranda

Assistentes
Luiz Claudio Regazone e Thayse Fonseca

Cartões Amarelos
Volta Redonda: Bruno Barra, Wallisson
Vasco da Gama: Ulisses, Miranda

Gols
Volta Redonda: João Carlos 38' 2T
Volta Redonda
Andrey;
Oliveira (Marcos Bebê), Davison, Gabriel Pereira e Luiz Paulo;
Bruno Barra, Emerson (Wallisson) e Luciano Naninho (Julinho);
Gabriel Silva (Caio Vitor), João Carlos e Alef Manga (MV).
Técnico: Neto Colucci
Vasco da Gama
Lucão;
Cayo Tenório (JP Galvão), Ulisses, Miranda e MT;
Caio Lopes (Tiago Reis), Juninho e Galarza (Andrey dos Santos);
Lucas Figueiredo (Arthur), Laranjeira (Vinícius) e Gabriel Pec.
Técnico: Diogo Siston