Santa Cruz 2 x 1 ABC - Drama e superação: aos 47, Cobra Coral vira e vence a primeira

Misael marcou o gol da vitória tricolor no fim do jogo

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 25 (AFI) - Foi dramático. Na reestreia do técnico Milton Mendes, o Santa Cruz suou sangue e foi heróico. Diante do ABC, a Cobra Coral, venceu de virada por 2 a 1, com um gol no fim. O resultado melhorou a vida do clube na Série C, dando início a uma reação. Os natalenses, por outro lado, se complicam e caem para a oitava posição. Amanhã, podem entrar no Z2.

EQUILIBRADO

Na reestreia do técnico Milton Mendes, em nova passagem pelo Santa Cruz, calmaria. Em uma nova distribuição no ataque, a Cobra Coral demorou a se encontrar ofensivamente. Nisso, o duelo ficou lento. Fora, o ABC também pouco ameaçava. Contudo, as três primeiras chances, embora não tão efetivas, foram do Elefante. Os contra-ataques potiguares eram perigosos.

A partir dos 25 minutos, o jogo começou a se equilibrar. Com maior posse de bola, os pernambucanos começavam a impôr o seu jogo. Rápidos na transição, os bons ataques locais começaram a aparecer. Em um deles, aos 36, Éverton acertou o travessão. Apesar disso, os primeiros 45 minutos acabaram empatados sem gols.

Santa Cruz vira sobre o ABC no fim e vence a primeira na Série C (Foto: Rodrigo Baltar / Santa Cruz / Divulgação) - Rodrigo Baltar / Santa Cruz / Divulgação
Santa Cruz vira sobre o ABC no fim e vence a primeira na Série C (Foto: Rodrigo Baltar / Santa Cruz / Divulgação)

VIRADA NO FIM

Na volta do intervalo, o panorama seguiu inalterado. Com maior posse, os recifenses seguiam pressionando. Se aproveitando dos espaços, os visitantes apostavam em contra-ataques perigosos. Em um desses, saiu o gol do Elefante da Frasqueira. Aos 27 minutos, Anderson Rocha achou Maicon livre de marcação. Ele apenas teve o trabalho de tocar para Jefinho marcar.

O gol não abalou a Cobra Coral. Três minutos depois, o empate começou a ser construído. Em bom ataque mandante, Anderson Pedra cometeu pênalti. Na cobrança, Pipico deixou tudo igual. A partir dali, o jogo ganhou ares de dramaticidade. E, no drama, a virada veio. Aos 47 minutos, Misael aproveitou falha do sistema defensivo do ABC e definiu o encontro.

PRÓXIMOS JOGOS

Santa Cruz e ABC voltam a campo no próximo fim de semana. No sábado, 1, o Tricolor do Arruda visita o Imperatriz. Os times medirão forças no Estádio Frei Epifânio da Abadia, em Imperatriz, às 19h15. No domingo, 2, é a vez do Elefante jogar. Em seus domínios, o Alvinegro recebe o Ferroviário-CE. A partida está marcada para o Frasqueirão, às 16h.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
5ª rodada
Data
25/05/2019
Horário
19h15
Local
Arruda - Recife (PE)
Árbitro
Denis da Silva Ribeiro Serafim (AL)

Renda
R$ 76.025,00
Assistentes
Esdras Mariano de Lima Albuquerque (AL) e Brigida Cirilo Ferreira (AL)

Público
7.746 torcedores
Cartões Amarelos
Santa Cruz-PE: Misael, Willian Alves
ABC-RN: Helio Paraiba, Maurício

Gols
Santa Cruz-PE: Pipico 31' 2T, Misael 47' 2T
ABC-RN: Jefinho 27' 2T
Santa Cruz-PE
Anderson;
Marcos Martins (Cesinha), João Victor, William Alves e Bruno Ré;
Charles, Allan Dias (Elias Carioca) e Celsinho (Guilherme Queiroz);
Everton, Misael e Pipico.
Técnico: Milton Mendes
ABC-RN
Edson;
Maicon, Maurício, Joecio e Jonathan (Evandro);
Anderson Pedra, Valdemir (Xavier), Jefinho e Anderson Rosa (Bóris Sagredo);
Luan e Hélio Paraiba
Técnico: Sérgio Soares