Plano A do Palmeiras para substituir Mattos, dirigente fica no Bragantino

Thiago Scuro renovou seu contrato com o clube do interior paulista até 2023 há algumas semanas

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 02 (AFI) - Plano A do presidente Maurício Galiotte para substituir Alexandre Mattos no Palmeiras, Tiago Scuro vai permanecer como CEO do Bragantino para a próxima temporada.

O mandatário alviverde teria feito uma sondagem inicial ao dirigente do Massa Bruta, mas recuou depois de Tiago Scuro não demonstrar interesse. Na reta final da Série B do Brasileiro, ele renovou contrato até 2023.

Thiago Scuro (à esquerda) vai continuar como CEO do Bragantino
Thiago Scuro (à esquerda) vai continuar como CEO do Bragantino
Tiago Scuro é quem comanda o futebol do Bragantino, que se sagrou campeão da Série B neste ano, e deseja dar continuidade ao projeto. Em 2020, na elite do Brasileirão, o clube tem como objetivo conquistar pelo menos uma vaga na Copa Sul-Americana.

Com a negativa de Scuro, Maurício Galiotte agora vai ao mercado em busca de um novo diretor de futebol. Alexandre Mattos já vinha sendo pressionado pela torcida e foi demitido no último domingo, assim como Mano Menezes, após a derrota para o Flamengo, por 3 a 1, no Allianz Parque.

E a contratação do dirigente não pode demorar para não atrasar o planejamento visando a próxima temporada. A tendência é que aconteça uma profunda reformulação no elenco do Palmeiras.