Botafogo terá 30% da renda penhorada contra o São Paulo no Santa Cruz

Pivô do processo, o jogador rescindiu contrato com o clube em junho de 2016, alegando três meses de salários atrasados

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 20 (AFI) – Jogar com os grandes clubes da capital ajuda os times do interior a equilibrar as contas de bilheteria, que costumam fechar no negativo nos borderôs do Campeonato Paulista. Mas a tática não funcionará para o Botafogo de Ribeirão Preto nesta quarta-feira, contra o São Paulo no estádio Santa Cruz. Isso porque o clube terá 30% da renda penhorada pela Justiça Trabalho, devido a um processo movido pelo ex-volante do time, Daniel Moradei, que hoje defende o São Bento. O processo veio através do advogado do Sindicato dos Atletas Profissionais do Estado de São Paulo (Sapesp) Filipe Rino.

O jogador conseguiu uma liminar para rescindir contrato com o clube em junho de 2016, alegando três meses de salários atrasados. No curso do processo, as duas partes assinaram um acordo de R$ 140 mil, que seriam pagos em 14 parcelas iguais de R$ 10 mil. Mas a diretoria quitou apenas os dois primeiros compromissos, de novembro e dezembro, deixando os dois primeiros meses de 2017 em aberto. O trato também previa 50% de multa em caso de procrastinação.

Torcida do Botafogo já comprou mais sete mil ingressos para o jogo com o São Paulo
Torcida do Botafogo já comprou mais sete mil ingressos para o jogo com o São Paulo

Com isso a dívida, que estava em R$ 120 mil, passou para R$ 180 mil (50% de multa do valor em aberto). Com a reta final do Campeonato Paulista, os advogados de Moradei entraram na Justiça do Trabalho e conseguiram a penhora das Cotas de Televisão do clube, mais 30% das rendas dos jogos contra São Paulo e Ferroviária, na 10ª e 12ª rodada do Campeonato Paulista, respectivamente – ambas no estádio Santa Cruz.

Em contato com o Futebol Interior, o advogado do jogador confirmou que foi procurado pelo Departamento Jurídico do Botafogo nesta segunda-feira para tentar um novo acordo e o caso pode ter novos desdobramentos nos próximos dias. O certo é que o ofício de penhora já foi entregue à Federação Paulista de Futebol (FPF) e o mandado já chegou às mãos do oficial de justiça.

VAI DAR DINHEIRO!

Para o jogo com o São Paulo, a assessoria confirmou que pouco mais de seis mil ingressos já foram comercializados, mas a expectativa é ultrapassar 10 mil pagantes. Os bilhetes estão sendo vendidos a R$ 80 (R$ 40 meia-entrada) para a arquibancada descoberta e R$ 120 (R$ 60 meia-entrada) no setor da coberta. Antes de a bola rolar já é possível cravar o melhor público do clube no ano, pelo menos no Campeonato Paulista.

A marca até aqui pertencia à derrota para a Ponte Preta por 2 a 1 na 3ª rodada, quando 5.372 pessoas compareceram para apoiar o Botafogo. Logo atrás vem a vitória por 2 a 1 contra o Novorizontino, com 3.942 pagantes, seguido por 3.358 na vitória por 3 a 1 diante do Mirassol e os 3.340 que viram o triunfo pelo mesmo placar diante do Audax. A média de renda bruta destes quatro jogos é de R$ 58.405,00.

Mais de 5 mil torcedores do Botafogo estiveram no estádio Santa Cruz na derrota para a Ponte Preta
Mais de 5 mil torcedores do Botafogo estiveram no estádio Santa Cruz na derrota para a Ponte Preta

A titulo de curiosidade, a última vez que Botafogo e São Paulo pelo Campeonato Paulista foi em abril de 2015, quando o estádio Santa Cruz recebeu 4.598 pagantes, para uma renda bruta de R$ 171.870,00. Na oportunidade os ingressos foram comercializados a R$ 80 e R$ 200. Em campo, o time de Ribeirão Preto venceu por 2 a 0 na 14ª rodada, com gols de Vitor Bueno, hoje no Santos, e o lateral-direito Gimenez, que faleceu no trágico acidente com o avião da Chapecoense.

ENTENDA

A cota de TV do Botafogo gira em torno de R$ 3 milhões, o que seria o suficiente para quitar a dívida com Daniel Moradei, mas, por precaução, a justiça também pediu a penhora das bilheterias dos próximos jogos em casa. Isso porque não é possível precisar quanto o clube de Ribeirão Preto já antecipou seus vencimentos com a Rede Globo. Então, para evitar um novo problema, o juiz Walney Quadros Costa determinou que 30% da dívida sairá da renda bruta do estádio e o restante dos direitos de transmissão.

aaa