Série B: Com problemas no setor ofensivo, Avaí pode contratar atacante do Paysandu

Apesar de o Paysandu não confirmar, o Avaí está conversando com os representantes do atleta

por Agência Futebol Interior

Belém, PA, 10 (AFI) - Com problemas para escalar o ataque, o Avaí está atento ao mercado para reforçar o setor. O clube catarinense abriu negociações para contar com Vinícius Leite, de 26 anos, que está no Paysandu.

NEGOCIAÇÃO

Apesar de o Paysandu não confirmar, o Avaí está conversando com os representantes do atleta. Vinícius pode até mesmo ficar de fora do jogo de quarta-feira, diante do Paragominas, pela semifinal do Campeonato Paraense.

Foto: Jorge Luiz/Ascom Paysandu
Foto: Jorge Luiz/Ascom Paysandu
Aumentos no salário e auxílio-moradia seriam o dobro do que o atleta ganha atualmente, fora a visibilidade que teria na Série B do Campeonato Brasileiro.

Com contrato até o fim da temporada, porém, ele precisa negociar a rescisão com o clube paraense.

NÚMEROS NO PAYSANDU

Em 2019, ele fez 35 jogos e cinco gols e, neste ano, já foram 12 partidas e dois gols.

Além do Papão, ele passou por Grêmio Barueri, Grêmio Osasco, Audax Rio, Portuguesa-RJ, Iporá-GO e Vila Nova-GO.

ATAQUE DO AVAÍ

O técnico Geninho tem muitos problemas no setor ofensivo, pois nada menos do que cinco jogadores da posição estão no departamento médico: Rildo, Rômulo, Daniel Amorim, Getúlio e Matheus Lucas. Daniel Amorim é o mais próximo de voltar e deve ficar à disposição na quarta rodada, uma vez que o jogo do Avaí da terceira rodada foi adiado.