Tiago Nunes comemora vantagem do Atlético-PR, mas prevê pedreira no Maracanã

Na noite desta quarta-feira, o Furacão foi superior e derrotou o Fluminense por 2 a 0

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 08 (AFI) - O Atlético Paranaense conquistou uma importante e merecida vantagem contra o Fluminense, na briga por uma vaga na decisão da Conmebol Sul-Americana. Essa é a avaliação de Tiago Nunes, que ressaltou que o Furacão não tem nada a lamentar em relação à vitória por 2 a 0 sobre o time carioca, na noite desta quarta-feira.

“Foi um jogo que a gente sabia que seria muito difícil. O Fluminense é muito bem treinado pelo Marcelo e sabíamos que as duas equipes iriam criar muito. Tivemos um volume de jogo um pouco maior e conseguimos construir um placar importante. Esses dois gols nos dão uma boa vantagem, mas nada que a gente possa se acomodar. No Maracanã, com um grande público, teremos que ter o aspecto emocional muito forte, a cabeça no lugar”, avaliou.

Tiago Nunes ressaltou que, apesar de algumas chances desperdiçadas, o Rubro-Negro não pode se queixar do placar.
Tiago Nunes festejou muito a vitória do Atlético-PR -  Miguel Locatelli/Site Oficial
Tiago Nunes festejou muito a vitória do Atlético-PR
“Fizemos o placar merecido. Não podemos lamentar nada. Temos que valorizar muito o que nosso grupo fez. Fazer dois gols no Fluminense é muito difícil. O jogo de volta será muito complicado. Já vimos equipes com uma vantagem maior sucumbirem. O jogo será em um cenário diferente. No Maracanã o fator emocional será muito importante. Teremos que saber superar isso para poder aproveitar essa vantagem”, ressaltou.
JOGO DE VOLTA
O jogo de volta contra o Fluminense será apenas no dia 28 de novembro e, segundo Tiago Nunes, o time atleticano agora se volta totalmente para o Campeonato Brasileiro.
“A gente tem tratado cada jogo com sua importância. Temos condições matemáticas, estamos a apenas três pontos do sexto colocado, e podemos conseguir a vaga na Libertadores. Vamos pensar jogo a jogo. Todos os jogadores têm condições de brigar por um lugar na equipe titular. Na Sul-Americana só vamos voltar a pensar na semana do jogo e quem estiver melhor nesse momento vai entrar para jogar”, completou.
 
 
" />