Thiago Duarte Peixoto está liberado para voltar ao apito

O árbitro está, desde o dia 17, em condições de apitar partidas de futebol no âmbito estadual e nacional

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 21 (AFI) - O árbitro Thiago Duarte Peixoto, que estava impedido de trabalhar por 60 dias devido a uma suspensão imposta pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Estado de São Paulo, está novamente apto a voltar à arbitragem estadual e nacional. Após árduo e excelente trabalho do Departamento Jurídico do Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado de São Paulo (SAFESP), que representou-o no julgamento e nas audiências que foram discutidas as razões e contra razões, Thiago foi autorizado a voltar a comandar partidas de futebol.

" O SAFESP, através de seu excelente Departamento Jurídico jamais abandonou o associado Thiago Duarte Peixoto, onde o acompanhou em todas as audiências e também interpelou de maneira formal e amparada pelo Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) , todas as contra razões cabíveis no processo”, explicou o presidente Arthur Alves Júnior.
Thiago Duarte Peixoto foi liberado pelo TJD e está apto a voltar ao trabalho novamente - Divulgação SAFESP
Thiago Duarte Peixoto foi liberado pelo TJD e está apto a voltar ao trabalho novamente
Apesar de algumas informações incorretas estarem circulando pela internet com pessoas que pouco tem conhecimento de arbitragem ou dos meios da mesma, o fato verdadeiro é que Thiago pode apitar novamente desde o dia 17 de abril de 2017, segundo o TJD paulista.

Entenda o caso
O árbitro paulista Thiago Duarte Peixoto se equivocou em um lance do jogo entre Corinthians e Palmeiras e, na ocasião, expulsou o volante Gabriel, do Corinthians. Após as altas proporções do ocorrido na mídia, o departamento jurídico do SAFESP iniciou a defesa de seu associado, mas o TJD suspendeu o árbitro por 60 dias. Imediatamente o SAFESP recorreu da punição e em novo julgamento manteve-se a punição.

Porém, mantendo uma árdua batalha, o Jurídico do SAFESP apresentou suas contra razões ao fato e no último dia 17 de abril Thiago Duarte Peixoto foi liberado para a voltar tanto no âmbito estadual como no nacional. Por ter cumprido mais da metade da pena, o restante da punição foi convertida em doações de cestas básicas.


“O SAFESP deseja ao associado Thiago Duarte Peixoto um excelente retorno ao trabalho, que sabe exercer muito bem. Felicidades”, falou o presidente do SAFESP, Arthur Alves Júnior.