Zagueiro Messias comemora 100 jogos pelo América-MG e 'ano de afirmação'

"É uma marca importante para mim e quero seguir ajudando o clube, sempre dando meu máximo", afirmou o defensor

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 10 (AFI) - Mesmo após a derrota para o Atlético-MG pelo placar de 4 a 0, o América-MG segue em uma situação confortável na tabela do Campeonato Brasileiro da Série A e já está treinando, visando o clássico deste final de semana contra o Atlético-MG. Essa partida será ainda mais importante para o zagueiro Messias, que irá completar 100 jogos como profissional do Coelho e ele fez questão de comemorar esse ano de afirmação.

"É uma marca importante para mim. Eu, que fui revelado pelo América-MG e conheço bastante o clube, fico com um orgulho imenso de poder completar esses 100 jogos e ajudar o Clube dando o meu máximo sempre. Fico muito feliz por essa conquista", afirmou o defensor

Zagueiro Messias comemora 100 jogos pelo América-MG e 'ano de afirmação'
Zagueiro Messias comemora 100 jogos pelo América-MG e 'ano de afirmação'
CONFIRA A ENTREVISTA COMPLETA DO ZAGUEIRO
Cem jogos pelo América

É uma marca importante para mim. Eu, que fui revelado pelo América, fico com um orgulho imenso de poder completar esses 100 jogos e ajudar o Clube dando o meu máximo sempre. Fico muito feliz por essa conquista. Quero dedicar esses 100 jogos à minha família, minha esposa, que me apoiam sempre. A todos do Clube, que me ajudaram muito desde quando eu estava na base. É uma satisfação imensa. Espero continuar contribuindo dentro de campo.

Conquistas desde a base
Fico feliz por esses títulos, conquistas de expressão que agregam à carreira de um atleta. Foi muito bom conquistar isso pelo América. Espero continuar vencendo para agregar ainda mais.

Afirmação
Não trabalho muito com essas ideias de “ano de afirmação”. Mas creio que estou firme no profissional e, graças a Deus, conseguindo fazer um grande trabalho desde o ano passado. Fomos bem na Série B e isso é algo que valorizo muito, pois é uma competição muito difícil. Porém, se formos falar de afirmação, acredito que teria sido o ano passado.

Foi um ano em que consegui mostrar meu trabalho e meu futebol para ajudar a equipe. Já no ano atual, estou buscando demonstrar esse trabalho também na Série A, uma competição ainda mais difícil. Então, penso que consegui essa questão de afirmação, não digo como titular, como profissional desde o ano passado. Não gosto muito de falar de titularidade porque não gosto dessas coisas de vangloriar, mas fico contente por me sentir firmado profissionalmente e capaz de jogar em alto nível.

Clássico contra o Atlético-MG
Nada melhor que um jogo após o outro. Infelizmente, sofremos um resultado adverso que não imaginávamos. Mas, agora, é levantar a cabeça. A gente conversa entre os jogadores e concluímos que foi um acidente de percurso, pois vínhamos fazendo um grande trabalho e uma grande competição. Infelizmente, foi um resultado atípico. Precisamos, então, fazer uma boa semana de preparação porque temos pela frente um clássico regional. Será um jogo dificílimo, sabemos que será muito complicado. Mas é levantar a cabeça, focar e se concentrar para o clássico, a fim de fazermos um grande jogo para que saiamos com a vitória.

Conversa de Adilson com o plantel
O Adilson demonstrou total apoio ao grupo. Como ele foi atleta, tem a experiência de dentro de campo e sabe que essas coisas fazem parte do futebol. São resultados que não conseguimos prever. Então, ele nos deu apoio e carinho. É um momento em que precisamos de força, para não baixarmos a cabeça e seguirmos focados. Portanto, o Adilson fez isso e fez muito bem, assim como o grande trabalho que ele está fazendo no Clube. Agora, é levantar a cabeça e ter foco. Temos tudo para dar a volta por cima.

 
 
" />