Edmílson de Jesus procura abrir mercado em outros estados para 2020

Treinador està à procura de nova oportunidade em um clube de futebol para a próxima temporada

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 29 (AFI) - Os clubes já começam a se mobilizar de olho em 2020. Enquanto alguns disputam as Séries A e B do Campeonato Brasileiro, já na reta final, a maioria começa a oficializar os treinadores e elencos para o Estadual.

De olho nesse mercado, Edmílson de Jesus mantém contato com dirigentes em outros estados, haja vista muitos times ainda não terem definido seus comandantes.

"Creio ser importante manter esse contato para ter mercado fora de São Paulo. Muitos clubes, principalmente no Nordeste, têm calendário cheio e com competições importantes. Então estou sempre preparado para uma possível proposta, a fim de realizar grandes trabalhos fora do estado", falou.

Edmílson de Jesus quer nova chance no mercado em 2020
Edmílson de Jesus quer nova chance no mercado em 2020
CARREIRA

Enquanto jogador, Edmilson de Jesus defendeu, por 16 anos, São Caetano, Atlético Goianiense, São José, Santos, Leixões (POR), Araçatuba e Internacional de Limeira.

Em 2008, iniciou carreira de treinador, na qual comandou o União Mogi, até passar por Bragantino, Flamengo de Guarulhos, São José, São Carlos FL, América-SP, Santacruzense, Taubaté, Primavera, Mogi Mirim - como assistente técnico na Série B do Campeonato Brasileiro de 2015 - e Água Santa.

Em 2017, assumiu o comando do Atibaia e ainda dirigiu Marília, Juventus, EC São Bernardo, Santa Helena-GO - seu último clube foi o próprio Atibaia na Série A2 do Paulista, quando livrou a equipe do rebaixamento e brigou até a última rodada pela classificação.

O Falcão, na época, terminou o torneio na nona posição e só não avançou às quartas de final graças à desvantagem no saldo de gols.