Preparador de goleiros campeão da Copa do Nordeste com o Sampaio analisa propostas

Com uma passagem de meia década pela Ponte Preta após trabalhar pelo Sport, André Dias chegou a Campinas com Guto Ferreira

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 01 (AFI) - A movimentação dos clubes visando a temporada não mexe somente com contratação de jogadores e mudanças de diretoria - comissões técnicas também passam por mudanças. Assim, pensando no ano que vem, o preparador de goleiros André Dias segue ouvindo propostas.

Com uma passagem de meia década pela Ponte Preta após trabalhar pelo Sport, André Dias chegou a Campinas com Guto Ferreira e, depois da saída do treinador, foi contratado para ser o preparador de goleiros fixo da comissão técnica. No período, foi parceiro de arqueiros que fizeram história, como Roberto, Marcelo Lomba, Aranha, eleito o melhor goleiro do Paulistão de 2017, e Ivan, que subiu do Sub 20 para o profissional com sua ajuda.

Após sair da Macaca, foi contratado pelo Sampaio Corrêa, que disputa a Série B do Campeonato Brasileiro e conquistou o título inédito da Copa do Nordeste. A campanha no mata-mata do Regional contou com a colaboração do camisa 1, Andrey, autor de defesas espetaculares diante de Vitória, ABC e Bahia.

“Só tenho a agradecer ao Sampaio Corrêa pela oportunidade de ter realizado um grande trabalho e ter feito parte dessa equipe campeã. Sei que o Andrey foi um dos grandes destaque da competição, isso só valoriza nosso trabalho para seguir em frente”, disse.

Preparador de goleiros campeão da Copa do Nordeste com o Sampaio, André Dias analisa propostas
Preparador de goleiros campeão da Copa do Nordeste com o Sampaio, André Dias analisa propostas
Em 2006, André Dias esteve no Bragantino, na comissão técnica de Nicanor de Carvalho. Ele também já trabalhou ensinando e preparando arqueiros para Atlético-MG, Fortaleza, Franca, Luverdense, São Bernardo, Ituano e Sport. Em 2016, fez estágio de um mês na Roma, trabalhando ao lado do titular da Seleção Brasileira Alisson e ganhando um pouco da experiência do futebol europeu.

CARREIRA COMO ATLETA
André Dias foi goleiro do Londrina, pelo qual foi campeão paranaense em 1992. Na Ponte Preta, fez parte da escola que revelou nomes como Waldir Peres, Carlos Roberto Gallo, Sérgio, Brigatti, Fabiano e muitos outros.

 
 
" />